sábado, 6 de outubro de 2012

Cordel do Ai!

Vou já contar prá vocês
Uma visita que recebi
Não era nada desejada
Não a queria por aqui
Trouxe tantos incômodos
Mas ficou mesmo assim

Embrenhou-se no meu dia
Os meus pensamentos tomou
Queria que se fosse
Mas minha vontade calou
Agora fico meio assim
Sem saber como estou

Nome complicado tinha
Pura e simples agonia
Difícil até de falar
Algo como fibromialgia
Prá mim que nunca adoeci
Parece bem uma ironia

Pedi ajuda para o doutor
Ele deu-me uns remédios
Mas a dor não passou
Então, quanto tédio
Pus-me a pensar na dor
Vá embora, por obséquio!