terça-feira, 28 de maio de 2013

Diamante



Falar de amor é tão fácil, tão lindo
Dizer palavras bonitas é tão idílico
É como viver um eterno infinito
É ter nos lábios sempre um sorriso

Viver o amor é manter a porta aberta
É estar sempre suspirando fundo
É olhar o tempo rápido pela janela
É fazer de você meu único mundo

Amar você é tormenta desejada
É tudo o que faço por mim
É a bonança sempre ansiada
É o nosso cheiro de jasmim

Ser amada é um presente raro
Como se nunca mais fosse ver
Esse seu sorriso que me é tão caro
É meu corpo, com seus olhos, aquecer

Viver o amor é tirar a roupa para você
É mostrar minha alma com calma
É estar sempre à sua mercê
É conhecer você como da mão a palma

Dizer as palavras deste amor
É quase não ter o que dizer
É como receber uma linda flor
É nunca ter porque sofrer

Meu grande amor é sempre ter você
Mesmo quando de mim está longe
É dizer quase sempre simples clichês
É como tomar andando um bonde

Ser amada é ter a pele brilhante
É ter a respiração sempre ofegante
Os olhos tímidos como diamantes
Um sorriso feliz e sempre constante